Work

Negociando com fornecedores

Ter fornecedores internacionais presentes na sua cadeia de suprimentos pode ser um grande diferencial competitivo: além de conseguir ter acesso a insumos mais baratos, os próprios fornecedores ainda podem ser uma porta de entrada para o mercado externo.

Veja algumas dicas para conseguir se sair melhor na empreitada. Entenda o funcionamento das empresas baseadas em outros países, fique atento aos cálculos de impostos e avalie prós (preço, qualidade) e os contras (prazo dilatado de entregas, aumento da burocracia) de contar com um parceiro estrangeiro.

Lembre-se de que a gestão de parceiros comerciais também precisa de cuidado redobrado. Além de garantir a qualidade das entregas, é preciso trabalhar com fornecedores que estejam alinhados com as políticas da sua organização e regras de compliance. Ou seja, não vale a pena comprar insumos de um produtor externo se esse não respeita as regras ambientais ou trabalhistas de seu próprio país, colocando em risco a reputação do cliente e, claro, prejudicando a natureza e as pessoas.

Mais uma vez, vale a pena participar de eventos específicos para o contato com fornecedores, como feiras de nicho de mercado. E, mesmo após encontrar boas oportunidades e assinar contratos, lembre-se de otimizar a gestão dos fornecedores com auxílio de ferramentas digitais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *